terça-feira, 20 de janeiro de 2009

O Monstro Sagrado

O Senhor que se segue dispensa qualquer tipo de apresentação.
Esta relíquia foi conseguida pelo meu sogro, num café na zona das Avenidas Novas. Lamento dizer, mas o meu sogro, sogra e cunhado são do clube duvidoso do cavalo marinho.
Fui castigado pela vida neste aspecto.
É com eles que travo batalhas de argumentos (quase sem fim) nas férias de Verão e não só. São 3 para 1, mas mais viessem para eu atazanar o juízo. Mas adivinhem, a minha mulher é Benfiquista (gosta do que é bom) e por motivos óbvios, nas discussões futebolísticas fica imparcial (tem a família dum lado da barricada e o amor do outro). Mas o meu sogro teve a hombridade de pedir ao Sr. Mário Coluna, um autógrafo para a filha.
Obrigado sogro.
Óbvio que agora faz parte do espólio Benfiquista lá de casa
PS: Oh cunhado, só pecas por seres do clube trafulha.

3 comentários:

Duque de Loulé disse...

Os sogros não se escolhem, aturam-se. Tem paciência e dá-lhes luta. Em termos futebolisticos que eles nunca se fiquem a rir :)))

Saudações

Maestro disse...

Como eu tenho sorte na vida.
Tanto a minha mulher como toda a familia é Benfiquista ferrenha.
Não tenho que aturar essas coisas, mas tambem não tenho autografos desses.

Um abraço Benfiquista

LuaSLBENFICA disse...

E que tesouro...=))


Saudações Gloriosas