sexta-feira, 1 de maio de 2009

C.D.Nacional x S.L.BENFICA


Total de jogos – 24
Total de Vitórias – 17
Total de empates – 5
Total não vitórias – 2

Na Choupana:
Vitórias – 8
Empates – 1
Não vitórias – 2
Maior Vitória fora – 0-9 (1938/39)
Maior não vitória – 1-0 (2002/03) / 3-2 (2003/04)
Resultado típico: CDN 0-1 SLB

FORÇA BENFICA
SEMPRE CONTIGO

18 comentários:

Eles Querem disse...

PELO BENFICA...
BOICOTE AOS PRODUTOS DA UNICER... PATROCINADOR DO PORTO E SPORTING

http://superboicote.pt.vu/

PASSA A PALAVRA

O insucesso da UNICER conduzirá ao enfraquecimento do SPORTING e o FCPORTO

Carlos Machado Acabado disse...

Alinho!
E já agora, pensemos também num possível crime contra a saúde pública que se adivinha na forma de um tal sistema de (afinal, má, MESMO má, dizem alguns especialistas que se lhe opõem!) recepção de Internet chamado powerline que se pretende introduzir em Portugal e que possui efeitos potencialmente cancerígenos com frequências eléctricas altíssimas equivalentes a vários postes de alta tensão a passarem mesmo junto e até DENTRO das nossas casas!
Só uma desenfreada e irresponsável guerra comercial explica a assustadora medida!
ESSE sistema vale a pena boicotar desde já antes que seja demasiado tarde!

Carlos Machado Acabado disse...

E pronto!
Acabou-se, de vez!
Francamente, só me ocorre dizer: "Meu Deus! Rui Costa: mas o que é que é preciso MAIS??!!
O "homem" não vale nada!
Mas NADA!
Não é (nunca foi!) uma questão de tempo ou de jogadores!
O erro foi MESMO tê-lo trazido nas condições em que ele veio.
O problema foi o fracasso da contratação de Eriksson e, depois, logo a seguir (mas esse até foi providencial...) o de Queiroz.
O pior é que, depois disso, Rui Costa ficou literalmente sem tempo nem espaço para falhar: em cima do arranque da época, depois dos dois "deslizes" seguidos (um deles, com ele e o presidente incrivelmente "fintados" pela imprensa) o nosso Director Desportivo ficou obrigado a entregar-se nas mãos de um fulano desconhecido, sem currículo mas, pelo que já se viu, com uma prosápia e uma ausência de bom senso difíceis de imaginar.
Eu volto a dizer: não terá sido, em si mesmo, errado, mau arriscar num desconhecido.
Agora, mau foi obviamente ter-lhe entregue, pelos vistos INCONDICIONALMENTE, toda a estrutura do futebol!
E, ainda por cima, com cláusulas de rescisão, ao que se supõe, 'faraónicas'.
Quer dizer: não se conhece o funcionário mas fica-se logo, às cegas, obrigado a "comprar-lhe o Clube de volta" se, por acaso (ou melhor: por puro demérito pessoal) ele não "der conta do recado".
Não se percebe!
É pura ingenuidade, mera inexperiência, simples imaturidade!
Só pode ser!
Mas eu, se fosse ao Rui Costa (e, se o Rui Costa não quisesse, que interviesse o presidente!) obrigava-o a "engolir" o Chalana e o Diamantino, hoje mesmo, no treino.
E, se não gostasse, era só mostrar-lhe o caminho para a saída!
Que diabo!
Quem é que manda no Clube??!!
Quem é que está obrigado a proteger os mais do legítimos interesses deste??!!
Ninguém responde pelo clamoroso "flop Sanchez Flores"??!!
Quando, numa empresa, o director do pessoal e/ou a "pool" gestora falham não têm de responder perante os accionistas??
Quem vai responder pelos milhões que deixam de se receber, pelas acções que caem (ainda mais...) pela obra global de saneamento (e relançamento) financeiros e desportivos que se atrasam e ficam adiadas senão mesmo impedidas??
Mas "isto" é "o da Joana" ou quê??!!
O Clube está mudo, aparentemente paralisado, incapaz de reagir com soluções em tempo útil para a "crise"!
Nossa Senhora! Eu até tremo de pensar numa inimaginável continuidade deste Sr. Flores para o ano!
ELE, "preparar" a nova época!
VADE RETRO! VADE RETRO!...

Gonçalo disse...

A minha opinião sobre isso é simples: porque é que não se dão oportunidades à prata da casa quer jogadores, quer treinadores? Jogadores estrangeiros só deveriam vir quando fossem realmente uma mais-valia (e no meu modo de ver não é descabido pensar o Benfica só com portugueses...)porque não se dá uma oportunidade ao Manuel cajuda que até é benfiquista e já manifestou essa vontade ou Jorge Jesus,João Alves ou a outro português qualquer? Não percebo o que é se ganha em insistir em tanta gente de fora,sem cultura de clube e conhecimento do futebol português.

Carlos Machado Acabado disse...

Jorge Jesus, várias vezes o disse, seria definitivamente a minha aposta.
Não compreendo como se "fica pelo beicinho" com um Sanchez Flores qualquer (que é que credencia, de facto, A SÉRIO, este senhor?
Que passado como técnico, que currículo pôde ele ter apresentado a fim de fundamentar credivelmente a sua candidatura a um Clube com o estatuto e os objectivos do Benfica?) e se ignora o trabalho sério, marcado por RESULTADOS, feito por um Jesus em equipas como o Estrela da Amadora, o "Belém" e agora o Braga?
Que diacho! O homem fez "aquilo tudo" com os "restos" e as "sobras" do Benfica (o João Pereira), dos "outros" lá "de cima" e por aí adiante!
E tem resultados, mostra serviço: não chega?!
Que raio de critérios são usados para detectar "talentos" como este limitadíssimo, mais que medíocre Flores que é escandalosamente cego a tudo o que seja esclarecimento e sensibilidade--agilidade--tácticos, capacidade para comunicar (as ideias que não tem?...), talento pedagógico (há quanto tempo um--possível?--diamante em bruto como o Di Maria anda a esgotar-se em correrias sem que seja quem for lhe ensine minimamente "o que fazer com elas", sem que alguém, quem quer que seja naquela equipa "técnica" saiba como rentabilizá-las e (mesmo apenas remotamente!) encaixá-las num jogo colectivo que, aliás, não existe?)
Que raio!
Ao "homem" falta, afinal, tudo quanto faz um técnico de futebol, até, a mais simples sensatez para, ao menos, ouvir (e perceber!) as críticas!
Meu Deus! Ele está no Benfica, não no Escarafuncha Futebol Clube ou no Sport Lisboa e Açorda-d' Alho!!!
É altura de alguém, naquele Clube, parar para pensar um bocadinho, caramba!
É que já chateia tanta auto-suficiência (traduzida invariavelmente em "barracadas" e frustrações!), tanta prosápia expressa em (im!) pura e simples mediocridade!!!
Dá vontade de ir lá e fazer um "basqueiro" danado até acordar alguém, finalmente, capaz de intervir e mudar ALGUMA COISA no Clube!
Estabilidade?
Não me tramem!
A única instabilidade no Clube vem do "treinador" que mexe, põe, tira e volta a tirar jogadores (o eixo da defesa do Benfica é um mártir da instabilidade do Sr. Flores!) segundo... "critérios" que podem ser tudo menos fomentadores de estabilidade, quer táctica quer até psicológica!
Por amor de Deus!...
Rua com ele!
Venho o Jesus ou o Mota; peçam (de joelhos!) ao Manel Zé que volte; ou então abram os cordões à bolsa e contratem uma "truta" MAS COM OS OBJECTIVOS TODOS, TIM-TIM-POR-TIM ESCRITOS NO CONTRATO!
Assim, não, bolas!

POR UMA REVOLUÇÃO NO FUTEBOL EM PORTUGAL disse...

http://www.ipetitions.com/petition/revolucaofutebolportugal/

Gonçalo disse...

Eu que já assisti a treinos do Jorge Jesus posso dizer que é um tipo grosseiro sem papas na língua e exigente, penso que essa imagem também passa na comunicação social e isso pode prejudicá-lo neste mundo em que a aparência conta muito. Mas seria interessante vê-lo no Benfica, comparando-o com Cajuda,João Alves, Manuel José e ao contrário destes não é um tipo que se faça muito amigalhaço com os jogadores mas é um perfecionista e exige que façam as coisas como ele quer, é muito rigoroso no treino.Tipos mimados e vaidosos como Reyes,Aimar,Carlos Martins e Di Maria não teriam vida fácil com ele como não tem tido outro jogador desse género que é o César Peixoto.De certeza que teriam de mudar o seu comportamento.

Carlos Machado Acabado disse...

A propósito do "estilo" (chamemos-lhe estilo...) do Jesus, eu recordo, por exemplo, o Ângelo Martins, o grande Ângelo que falava (ele que foi, com o Cavém e o Coluna) o meu ídolo de miúdo, pelo seu estilo impetuoso em campo, muito... à Benfica; pois, o grande Ângelo (ele que me desculpe!) que falava, enfim, que falava de uma certa maneira (como dizer?) no mínimo, popular e pouco... cerimoniosa tinha um jeitão como treinador dos miúdos do Clube.
Eu acho que o essencial é ser-se competente e, de forma cumulativa, criar forte empatia, isto é, falar a mesma linguagem (e não me refiro necessariamente apenas ao âmbito da língua em sentido estrito) dos jogadores a fim de que a competência se possa concretizar neles.
Através deles que são os actores principais.
O Mourinho fala-a e é um tipo com "canudo", agora doutor "honoris causa" e tudo.
O 'Manel Zé', que não tem nem canudo nem é "doutorado" por universidade alguma (que eu saiba...) fala-a.
O 'Quique' expressa-se como... um "rouxinol", tem um discurso extremamente urbano e, em matéria, de empatia e sinergias com os jogadores... é o que se vê...
E, ainda por cima, a sua (gritante!) inépcia custa-"nos" (a nós, Clube) "os olhos da cara"...
Ná! Eu tentava o Jesus.
Nunca esteve "cá em cima", quer provar que merece aí estar, tem qualidade bastante, estímulo, agarraria a oportunidade com as mãos ambas, seguramente...
EU tentava!

Gonçalo disse...

E sem querer desculpar-me com outras coisas também era bom que os senhores árbitros marcassem os penalties e que os adversários tivessem uma atitude semelhante à que têem na semana seguinte:numa semana "matam-se" todos e logo a seguir parece que antes do jogo começar já estão a prestar vassalagem.Se o Nacional tivesse jogado assim com o Paços se calhar estava na final da Taça.Mas quando jogam com o Benfica é assim,é a vida como dizia o outro...
Quem como eu acompanha futebol das divisões inferiores e futebol de jovens já viu muitas vezes estas súbitas mudanças de atitude, então no futebol jovem é vergonhoso que isso aconteça, mas existe.Aprendem logo estes vícios...É que ser profissional devia (mas claro que não é) ser isso mesmo:sempre profissional e não ser só chorar quando se atrasam com o ordenado.

Jotas disse...

Foi mau demais, eu sou benfiquista do coração e é por isso que entendo que para tudo há limites.
Julgo que os adeptos benfiquistas foram muito pacientes, estiverem quase sempre do lado da equipa, desculpou-se-lhes muita coisa, mas há um momento para dizer basta e deixar de desculpar e passar a exigir, sim exigência, algo que sempre houve e muito no Benfica, que fazia de nós diferentes e melhores que os outros e essa cultura de exigência está a desaparecer.
´Não se pode admitir aquilo que se anda a verificar e verifica-se facilmente que falta realmente muita coisa ao Benfica, falta responsabilidade, ambição e fundamentalmente espírito de sacrifício. Numa equipa com ordenados chorudos, tem de se exigir responsabilidade a estes jogadores, eles não lutam, andam a passo e venha o fim do mês, é urgente o murro na mesa e fazer ver a esses cromos da bola, que apenas representam o maior clube português e quem não tem perfil para tal, só há um caminho, porta dos fundos, chulos não, muito obrigado.

Carlos Machado Acabado disse...

Pois mas... admitindo que grande parte do problema são, de facto, os jogadores, é preciso ver por que razão (ou razões) eles o são, isto é, se a solução do problema não passará por (a) exigir, estabelecer na Direcção do Futebol objectivos muito claros e pagar de acordo com o respectivo (in) cumprimento e (b) ao mesmo tempo, avaliar bem se os jogadores acreditam realmente naquilo que o técnico ou os técnicos os mandam fazer.
Se há empatia e sinergias em ambos os sentidos mas, muito claramente, se o que o técnico determina faz, DE FACTO, sentido.
Um treinador como o 'Quique' mexe tanto na equipa (curiosamente NÃO mexe em tempo real, ou seja, não adequa tácticas e estratégias no próprio momento em que as coisas acontecem: berra, gesticula mas os jogadores acreditam "naquilo"?); um treinador como o 'Quique', dizia, mexe tanto na equipa que às duas por três já ninguém deve ter rotinas, automatismos, etc. e o medo de falhar num lugar que é novo e não está rotinado, interiorizado (ou que sentimos não ser o nosso) leva o jogador a "encolher-se", a "defender-se".
Eu pergunto: em boa verdade (e em melhor justiça!) será que os jogadores sentem MESMO que as soluções são (e isto, QUANDO aparecem gritadas para dentro) as adequadas, as mais correctas?
Acreditam no treinador?
Ora, se nós, muitas vezes (a maior parte das vezes, aliás!) não acreditamos, não concordamos [o Aimar à esquerda, o Amorim na ala, o Nuno Gomes (ou o Cardozo) sozinhos na frente, o Cardozo no banco, a balbúrdia do entra-e-sai de defesas centrais, o David Luiz "emprestado" à lateral, etc. etc.] como pode exigir-se que os jogadores acreditem??
Vale a pena pensar nisto!
Eu profissionalmente tive, durante muitos anos, de lidar com grupos humanos: alunos de uma escola, a maior parte das vezes, pré-universitários.
Ora, quer como professor, quer como director de turma aprendi a "sentir" quando a empatia está ausente e é essencial recriá-la ou perde-se, definitivamente, a turma e tudo quanto se pretende ensinar se torna, de imediato, um problema seriísimo e, no limite, sem solução!
O professor experiente "cheira" a sintonia da turma consigo; da turma com os outros professores e, em consequência, da turma com a matéria.
No futebol, restam-me poucas dúvidas, passar-se-á algo de essencialmente semelhante.
E, cá para mim, aquela... "turma" já está completamente perdida para o "professor" 'Quique'.
Insistir em mantê-lo a "leccionar" ali é um erro: não há, pura simplesmente, condições para que a classe tenha aproveitamento...
É a minha opinião.

Sublime Benfica disse...

...presidente,director desportivo,comunicação,treinador,adjuntos,jogadores,restantes dirigentes,jogadores,adeptos....enfim tudo serve para ser a desculpa dos maus momentos do GLORIOSO BENFICA.
Vejamos...antes deste presidente,director desportivo,comunicção,treinador,adjuntos,jogadores,restantes adeptos,que vencemos nós de há 25 anos a esta parte ???...digam-me !!!....deixemo-nos de MERDAS !!!...o problema não está SÓ nestes agentes desportivos,o problema não está no BENFICA e seus dirigentes ou jogadores,pois eles vêm e vão embora, e os resultados não aparecem!!!!!....FODA-SE!!!...digam-me,se conseguirem,qual é a Liga na Europa( á excepção de França,em que o ganhador é sempre o mesmo nos últimos 25 anos ??? ...QUEM ???....DIGAM-ME !!!!....

Todos sabem o que se passa,nesta merda de país,neste futebol corrupto de arbitragens,dirigentes,treinadores,jogadores,agentes....etc etc...O FUTEBOL ESTÁ DOMINADO POR UMA CORRUPÇÃO ACTIVA !!!....todos sabemos !!!!!....daí,sem agirmos,nada ganhamos,portanto,se não ganharmos nada,mas se dermos umas CARGAS DE PORRADA a quem vem á Luz roubar o BENFICA na sua própria casa, que mais temos a perder ????....DIGAM-ME !!!!

TEMOS QUE AGIR, E JÁ !!!...
QUEM ROUBAR O BENFICA DESCARADAMENTE NA NOSSA CASA,O T´NEL APAGA-SE E FODER-LHES O CAPACETE É POUCO...!!!!...DEPOIS CASTIGUEM OS GAJOS DA edp,PORQUE FALTOU A LUZ.....!!!!!!!!!!!!!!!

PUTA QUE PARIU ESTA GENTE IMUNE A TUDO E UMAS BOTAS....AVENÇADOS,LEVAM PORRADA,ÁRBITROS,PORRADA NELES !!!!....JÁ NÃO HÁ PACIÊNCIA PARA ATURAR ESTES FILMES...!!!!!

NÃO QUERO SER BENEFICIADO,....QUERO JUSTIÇA !!!!....TAMBÉM SABEMOS VER QUANDO JOGAMOS MAL E NÃO MERECEMOS.....MAS GOZAREM COM A NOSSA CARA NO NOSSO MEIO....BASTA!!!!!

VIVA O SPORT LISBOA E BENFICA !!!!!!!

Mimo Azul disse...

Não nos correu bem... :((

bjcaaaaaaaaaa

Luis de Raziell disse...

Eu tinha razão:
Terça-feira, 2 de Dezembro de 2008
BENFIQUISTAS: NÃO CULPEM O QUIM PELAS VOSSAS DESGRAÇAS

Vidente-de-deus a 1 Dezembro 2008 às 23:31
Não culpem o guarda-redes nem o treinador- Quem está a mais no Benfica é Luís Filipe Vieira - Eu já aqui deixei o meu aviso - e de boa fé. Não vale a pena, nem entrar em euforias, nem desânimos ou críticas aos jogadores, à equipa. O Benfica, não tarda que seja ultrapassado pelo Sporting e pelo Porto. De resto, quem vai ganhar o campeonato, são os azuis e não os encarnados ou os lagartos. Para mais pormenores, revejamhttp://videnciasdavidaedamorte.blogspot.com/

Comentário publicado no blog TERTÚLIA BENFIQUISTA e depois inserido no blog- VIDÊNCIAS DE VIDA E DE MORTE - CASO REAIS E OUTROS MISTÉRIOS…

Gonçalo disse...

"Sublime Benfica":até pode ter razão sobre o que se passa em Portugal,o futebol portugues não é credível mas afinal que Benfica é que quer? Um clube que se limite a competições internas ganhando uma qualquer taça da cerveja ou uma verdadeira marca Benfica respeitada na Europa e competitiva de modo a conseguir bater-se com os grandes europeus? Ou será que os desaires na Europa também são culpa dos árbitros que nem são portugueses? As derrotas em casa com o Metalist e o gala não sei quê não nos envergonham? Não foi Quique que na véspera do jogo com o Nápoles disse que podia ser a final antecipada? O Benfica devia estar a preparar-se para se mostrar competitivo e disponível a participar numa Superliga Europeia que se iniciará mais cedo ou mais
tarde, estes modelos de campeonatos nacionais estão gastos,não há credibilidade no futebol português aliás os próprios dirigentes do clube já deviam era andar a pressionar outros clubes europeus para se arranjar uma solução viável de modelo competitivo não se pode andar a jogar com Navais,Estrelas e Leirias estes clubes são de outra realidade não dão receitas, só despesas.Eu de início era céptico em relação a isso mas é o que vai ter de acontecer uma liga europeia(a Liga Europa já deverá ser um esboço),o benfica não pode andar a sustentar clubes insustentáveis que se recusam a desistir da 1ª Liga.

editor69 disse...

DESISTISTE?

Sou de um Clube Lutador disse...

Não desisti, mas ainda não percebi se o trabalho me anda a consumir ou se eu ando a consumir o trabalho.
Tudo o que é consumido em excesso tem os seus efeitos secundários e eu tenho preocupações a dobrar, cansaço, insónias... e escrever nada, porque só quero é descansar.

Amanhã penso que estou de volta à virtualidade.

Vamor ver se consigo publicar um post...

Forte abraço a todos
..

Carlos Machado Acabado disse...

...e pr'ó ano é que é?...
[Ah! Ah! Ah!]